domingo, 23 de agosto de 2009

Amos Oz: "Israel nasceu de dos sonhos, não da geografía ou da demografía"


O reconhecido escritor israelíta assinalou que seu país se converteu na atualidade em "una desilusión" porque es un "sueño realizado", e como tal é necesariamente imperfeito.
METÁFORA CINEMATOGRÁFICA. "Israel pertence maias a uma película de (Federico) Fellini que a uma de (Ingmar) Bergman", ironizou o ganhador do Príncipe de Asturias as letras 2007.
Assim se expressou Oz numa entrevista publicada hoje pelo diario italiano "La Stampa", .

Nenhum comentário: